Sensibilidade ao sol causada pela medicação Reconhecer os sintomas e compreender as causas

Muitos usados regularmente​​, mesmo sem receita médica, os medicamentos podem tornar a sua pele mais sensível ao sol do que o habitual. Agentes fotossensibilizantes podem tornar-se reactivos ou causar reacções alérgicas quando interagem com a luz da radiação ultravioleta (UV). Este artigo descreve as causas, sintomas e tratamentos das reacções de fotossensibilidade induzida por medicamentos.

O que é a sensibilidade ao sol induzida por medicamentos?

A fotossensibilidade induzida por medicamentos (ou induzida por sensibilidade ao sol) desenvolve-se quando um medicamento, que normalmente não causa sensibilidade, sofre fotoactivação à medida que interage com a luz UV quando entra na pele.

Os produtos químicos que têm tricíclicos, ou estruturas policíclicos para absorver a luz ultravioleta, e muitas vezes esses produtos químicos alterados causam manifestações cutâneas (tais como reacções fototóxicas ou fotoalérgicas). Como parar estes medicamentos nem sempre é possível, é importante entender como proteger a pele dos raios solares.

Certos medicamentos podem aumentar a sensibilidade da pele ao sol.

Quais são os sintomas de reacções fotossensíveis?

As características clínicas de fotossensibilidade induzidas por medicamentos podem variar, conforme o tipo de reacção, ou fototoxicidade ou foto-alérgica, depende do tipo de agente de fotossensibilização que causou a reacção de sensibilidade.

Converse com o seu dermatologista ou farmacêutico se estiver preocupada com qualquer um dos seus sintomas, principalmente se suspeitar que tem fotossensibilidade induzida por medicamaentos, ou não tem a certeza se a sua medicação pode causar reacções de fotossensibilidade.

Qual é a diferença entre as reacções fototóxicas e fotoalérgicas?

A principal diferença é que as reacções fotoalérgicas ocorrem quando o sistema imunitário reage à química fotoactiva causando inchaço e inflamação, enquanto as reacções fototóxicas ocorrem apenas quando a química fotoactiva reage directamente com as membranas das células da pele e do ADN celular, e não envolve o sistema imunológico.

Reacções fotoalérgicas, por conseguinte, requerem apenas uma pequena quantidade de produto químico fotoactivo para estarem presentes já que o sistema imunitário é muito sensível, enquanto as reacções fototóxicas requerem uma maior quantidade de produto químico fotoactivo para estarem presentes (embora os químicos fototóxicos diferem na toxicidade, e por isso diferentes quantidades de cada químico são necessários para provocar uma reacção).

Quais são as diferenças visuais entre as reacções fototóxica e fotoalérgicas?

Enquanto as reacções fototóxicas e fotoalérgicas são causadas por diferentes tipos de produtos químicos fotoativo que induzem diferentes reações bioquímicas, ainda pode ser difícil de diferenciá-las ao examinar uma pessoa com fotossensibilidade. A principal diferença visual entre as duas reacções é que as reacções fototóxicas tendem a ser vistas como queimadura solar grave que é restrito principalmente a pele exposta ao sol, enquanto que as reacções fotoalérgicas parecem-se mais com Dermatite Atópica e a reacção pode passar de pele exposta ao sol para áreas não expostas.

Reacções fotoalérgicas parecem-se mais com Dermatite Atópica.

Reacções fototóxicas e fotoalérgicas - Qual a diferença?

Reacção fototóxica

Reacção fotoalérgica

Características clínicas
Queimadura solar exagerada

Distribuição

Apenas pele exposta ao sol

Mediada imunologicamente
Não

Incidência
Alta

Necessária mais do que uma exposição ao agente
Não

Quantidade de agente necessária para induzir a fotossensibilidade
Grande

Velocidade de reacção após exposição ao agente fotoactivo e luz
Minutos a horas

Características clínicas
Dermatite

Distribuição
Sobretudo pele exposta ao sol, mas pode espalhar-se para outras zonas que não foram expostas ao sol

Mediada imunologicamente
Sim, Tipo IV

Incidência
Baixa

Necessária mais do que uma exposição ao agente
Sim

Quantidade necessária de agente para induzir fotossensibilidade
Pequena

Velocidade de reacção após exposição ao agente fotoactivo e luz
24-72 horas

Desenvolvimento (patogénese) de reacções fototóxicas e fotoalérgicas

O que provoca reacções de fotossensibilidade induzida por medicamentos?

Ambos os medicamentos compostos sistémicos (orais) e de aplicação tópica têm o potencial de causar reacções de fotossensibilidade. Por isso, é importante considerar a possibilidade de fotossensibilidade ao escolher um hidratante ou loção para a pele. Alguns medicamentos anti-inflamatórios ou analgésicos, como o ibuprofeno, também podem causar fotossensibilidade. Outros medicamentos fotoactivos comumente utilizados incluem antibióticos, anti-inflamatórios não esteróides, diuréticos, estatinas, retinóides e antifúngicos.

As reacções de fotossensibilidade também podem resultar a partir de compostos aplicados topicamente.

Que medicamentos têm o potencial de causar fotossensibilidade?

Muitos medicamentos vulgarmente utilizados que podem causar fotossensibilidade estão incluídos na tabela abaixo chamada Medicamentos Fotossensibilizantes comuns, no entanto, esta não é uma lista completa e existem muitos outros medicamentos que podem potencialmente causar fotossensibilidade.

Medicamentos Fotossensibilizantes comuns

  • Anticonvulsivantes (Neurolépticos)
  • Antibióticos
  • Diuréticos
  • Hipoglicemiantes
  • Anti-inflamatórios não esteróides (AINE )
  • PDT Pro-fotossensibilizadores
  • Retinóides

Se não tem a certeza se a medicação que está a tomar pode causar fotossensibilidade, ou deseja obter informações gerais sobre quais medicamentos podem causar fotossensibilidade, consulte o seu médico ou farmacêutico.

Gestão das reacções fotossensíveis

Qual a melhor maneira de se proteger contra a fotossensibilidade, se tiver que tomar uma medicação fotoactiva?

Os comprimentos de onda de luz que são conhecidos por causar reacções de fotossensibilidade induzida por medicamentos são do alcance UVA (320-400 nm) e UVB (290-320 nm). Contudo, certas substâncias químicas podem reagir com a luz solar ao alcance visível. Portanto, evitar a exposição solar é fundamental.

Além disso, proteger a pele com roupas e usar um protector solar com filtro UVA/UVB eficaz com FPS alto (50+) irá proteger contra a fotoactivação de mais medicação fotoactiva que poderá precisar tomar.

Siga sempre as indicações de uso do protector solar, especialmente no que diz respeito à frequência de aplicação. Geralmente, evitar queimaduras solares também irá ajudar a reduzir o risco de reacções de fotossensibilidade induzidas por medicamentos. Leia mais sobre como se proteger das queimaduras solares no rosto ou no corpo.

Recomenda-se uma combinação de vestuário adequado e um protector solar com FPS alto.
Evite protectores solares que incluam produtos químicos fotossensíveis.

O teste da pele é uma ferramenta útil para descobrir mais sobre a sua condição de pele, mas se apresentar uma reacção fotossensível ou não tiver certeza, consulte sempre um dermatologista para um diagnóstico presencial.

Newsletter: Se a sua pele falasse, o que diria?

Cada pele tem a sua voz. Registe-se e ouça a sua!

My eucerin, newsletter

  • Receba conselhos sobre cuidados a ter com sua a pele e informação sobre as nossas inovações e produtos
  • Seja uma embaixadora Eucerin e teste os nossos produtos e inovações
  • Beneficie de campanhas exclusivas aos membros My Eucerin!